Ferraz Neto é selecionada pelo Projeto Mais Cultura

Escola é a primeira do município a receber o projeto desenvolvido 
pelos Ministérios da Cultura e Educação

O Governo Federal está apostando na democratização do acesso à cultura e da integração de práticas criativas nas escolas públicas. Para potencializar e ampliar o processo de ensino, os ministérios da Cultura e Educação firmaram parceria e estão implantando o Projeto Mais Cultura. Em agosto de 2013 a Secretaria Municipal da Educação aderiu ao programa e os resultados positivos já são realidade na Escola Municipal de Ensino Fundamental Dr. Pedro Ferraz Neto, do Bairro Bom Fim. A escola está entre as 1.001 selecionadas em todo o país no começo deste mês. Para receber a verba, que varia de 20 a R$ 22 mil, além de fazer o cadastro é preciso que as escolas tenham um projeto bem elaborado, o trabalho passa pelo crivo da Comissão Interministerial de Avaliação, que aprovou o Projeto “Criação, Circulação e Difusão da Produção Artística”, que começa a ser desenvolvido em abril na Ferraz Neto.
Cerca de 60 alunos farão parte das atividades que serão realizadas em turno inverso ao da sala de aula. Para a diretora Angela Maria Strieder Dotto, o ‘Mais Cultura’ chega para complementar uma série de atividades educativas extra sala, que já estão ativas no cronograma do educandário, “quanto mais pudermos oferecer aos nossos alunos melhor. Eles já participam de oficinas de esporte, fotografia e outros, no Programa Mais Educação. Agora entrarão no mundo da arte, o que vai proporcionar uma visão mais ampliada da educação e cultura, isso é gratificante”, ressaltou a diretora.
As oficinas do Projeto Criação, Circulação e Difusão da Produção Artística elaborado pela Escola Ferraz Neto, serão coordenadas pela professora Tanise Nunes e ministradas pelo ator e produtor de elenco Rangel Arede. Com experiência comprovada na área, Rangel explica que o trabalho proporciona a evolução intelectual do aluno. Segundo ele, “os alunos ficam mais comunicativos, desinibidos, sem falar que participam de momentos de descontração e dinamismo”.
Além da Escola Ferraz Neto a SEME cadastrou as escolas Marechal Deodoro, Menino Jesus (CAIC), João Goulart e Presidente Kennedy. De acordo com o Setor de Planejamento Escolar da SEME, o objetivo da secretaria é desempenhar com seriedade o compromisso de educar com qualidade, “estamos sempre buscando inserir o município em todos os programas federais. No caso do Projeto Mais Cultura, os alunos da rede municipal vão ter acesso a uma verdadeira riqueza cultural dentro da escola. Permanecemos agora na expectativa de que as demais escolas também recebam o Mais Cultura”, finalizou a Supervisora do Programa Mais Educação da SEME, Patrícia Pozzati.

Comentários