Marfrig obriga-se a cumprir ação da justiça

Foram cerca de 142 trabalhadores que retornaram a seus postos de trabalho na empresa Marfrig, no último dia, 7, graças a uma ação civil pública patrocinada pelo sindicato e que teve uma cautelar obtida dia 19 de dezembro último na Vara do Trabalho de São Gabriel, onde o juiz mandou reintegrar os trabalhadores demitidos entre fevereiro de 2013 a julho de 2013 na data de 23 de janeiro de 2014. 
A empresa inicialmente não cumpriu tal determinação até que o juiz, no dia 20 de março, expediu um mandado de reintegração para ser cumprido em 48 horas, fazendo a empresa chamar de volta os trabalhadores que tinham direito de ser reintegrados.
Esta foi uma conquista ímpar do sindicato dos trabalhadores nas indústrias da alimentação, de sua assessoria jurídica Dr. Miguel Kodayssi com a colaboração do Ministério Público do Trabalho.