OMETRAN realiza vistoria técnica em moto-táxi e moto-frete em São Gabriel

“Trânsito com segurança também é uma das prioridades desta administração”, assim definiu o secretário municipal de Obras e interino de Serviços Urbanos, Felipe Abib, ao se referir ao recente trabalho de vistoria técnica veicular em veículos de duas rodas, tanto de transporte remunerado de passageiros (moto-táxi), quanto os de transporte de pequenos volumes (moto-frete) devidamente cadastrados no Órgão Municipal de Trânsito (OMETRAN) sob a responsabilidade da pasta de Serviços Urbanos e conforme lei Federal e Municipal vigentes desde 2009.
O chefe do OMETRAN, Roberto Roque Venturini, que acompanhou os trabalhos, explica que a principal finalidade das vistorias é a segurança do condutor e dos usuários. “Todo aquele cidadão cadastrado junto ao OMETRAN que não tenha efetuado a vistoria em seu veículo não terá direito a licença para operação para o serviço; não terá direito a isenção do IPVA por estar irregular no exercício da função e estará sujeito as sanções da lei. As vistorias sempre são realizadas semestralmente por engenheiros cadastrados junto ao Executivo”, disse Venturini.
No momento, Venturini lembra que o veículo deverá estar na cor padrão (verde limão), com todos os equipamentos estipulados pela legislação, o capacete pintado com a cor do veículo contendo o número do prefixo em ambos os lados do reservatório de combustível na cor preta e em local visível, pelo menos, na parte traseira do capacete.
Segundo ele, os veículos que não estiverem adequados serão fiscalizados e autuados, se for o caso, pelo OMETRAN e pela Brigada Militar. Venturini lembra ao usuário que no momento em que for usar este tipo de serviço, deve verificar se este é um veículo regulamentado junto ao Executivo ou se é clandestino. “Tudo isso é imprescindível para o bom andamento do trabalho. Obedecendo as características do veículo é fácil constatar alguma irregularidade, sendo que qualquer denúncia poderá ser feita através dos telefones 3232-0188 ou 9962-6700.