Garantidos seis novos poços artesianos comunitários na zona rural

Seis comunidades receberão poços artesianos pelo convênio assinado por
Prefeitura e Governo do Estado
Alegrete - Famílias de seis localidades do interior do município que enfrentam dificuldades com abastecimento de água terão alento em breve. Na última quarta-feira, 18, Alegrete foi a primeira parada da Regionalização do Plano Safra Estadual 2014/2015 e, durante a visita de representantes das Secretarias da Agricultura, Pecuária e Agronegócio (Seapa) e Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR), a Prefeitura do Alegrete firmou convênio com o Estado para a perfuração de seis poços artesianos.
As estruturas serão instaladas no Corredor da Paina e Passo dos Boiões no Caverá, Coxilha Vermelha, Jararaca, Pinheiros e Parové. “Lutamos por dar à comunidade que mora no interior uma melhor condição de vida, com condições adequadas para manter as famílias vivendo e produzindo com qualidade”, afirma a vice-prefeita Preta Mulazzani.
Os poços artesianos, que serão comunitários, irão beneficiar mais de 140 famílias da zona rural de Alegrete. O termo estabelece que o Estado, através da Secretaria de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo fica responsável pelo maquinário e pela mão de obra terceirizada. Fica a cargo do Município o provimento de combustível para as máquinas e a alimentação dos trabalhadores.
A perfuração dos poços está prevista para breve, assim que todas as máquinas necessárias forem deslocadas para Alegrete. “As parcerias são necessárias para alcançarmos objetivos que, sem elas, não seria possível. Outras localidades ainda precisam dos poços e estamos trabalhando para viabilizá-los”, garante o prefeito Erasmo Silva.