Legislativo decreta Luto Oficial por Alcir Lannes

Na manhã desta segunda-feira, 2 de junho, logo no início da semana legislativa, o Presidente do Poder Legislativo, vereador Marcos “Mec” Vieira, decretou Luto Oficial de três dias no parlamento pelo falecimento de Alcir MacCord Lannes, ocorrido no dia 31 de maio. Até a vigência do decreto, os pavilhões deverão ser hasteados a meio-pau na sede da Câmara Municipal, em respeito à sua memória.
Alcir Mac Cord Lannes foi lembrado por vereadores de todos os partidos, como um homem de vida pública marcada pela decência e integridade. Foi secretário municipal de Agricultura na primeira gestão do ex-prefeito Baltazar Balbo Teixeira, de 1982 a 1988. No período seguinte, foi eleito vice-prefeito do Município, na gestão do então prefeito Eglon Meyer Corrêa, de 1989 a 1992. Foi também Chefe de Gabinete de Balbo Teixeira em seu segundo mandato como prefeito municipal, sendo o seu candidato à sua sucessão, em 1996, quando concorreu a Prefeito pelo então Partido da Frente Liberal (PFL, hoje DEM). Na ocasião, ficou em segundo lugar na disputa, com 15.003 votos, perdendo para Rossano Dotto Gonçalves, que na ocasião conquistou seu primeiro mandato como prefeito municipal, com 19.871 votos. Vindo de família com tradicional atuação na vida pública, era irmão mais velho do vereador Carlos Alberto MacCord Lannes (DEM) e tio da vereadora Karen Lannes (SDD).
Para o presidente do Poder Legislativo, vereador Marcos Paulo “Mec” Vieira, o legado de Alcir Lannes é da decência e da ética na política. “Não há político de nenhum partido que não reconheça o caráter e idoneidade de Alcir Lannes, um homem público honrado, que defendeu suas idéias e princípios com absoluta retidão. Este Parlamento se solidariza com as manifestações de luto da comunidade, em especial aos nossos colegas vereadores Cacaio e Karen Lannes, duas figuras que, embora de siglas e posições distintas, carregam sem dúvida a mesma bagagem de decência e honradez na política”, ressaltou Marcos Mec.