Festival Estudantil revela talentos jovens da música

O Ginásio da Escola Perpétuo Socorro reuniu, em três noites, algumas das principais revelações da música estudantil de São Gabriel. Dos 25 competidores, 15 se classificaram para domingo de encerramento. Foi uma escolha difícil, apontou a comissão julgadora composta por músicos e instrumentistas consagrados: Edinho Perlin, músico; Gabriel Biscaglia, músico; Eugênio Simonetto, poeta e músico; Marcos Lázaro, professor de violão; e Estêvan Oliveira, pianista. O grande destaque do evento foi a menina Priscila Langendorf Moreira, da Escola Presidente Kennedy, que conquistou quatro troféus. Foram três grandes shows. No primeiro dia a banda Quarteto Falta Um. No dia 23, a dupla João Vitor e Mário; e no encerramento, o cantor nativista Ênio Medeiros.
O Festival Estudantil foi uma promoção da Prefeitura Municipal de São Gabriel, organizado pela Secretaria de Turismo, com o objetivo de promover a produção musical, explorar o potencial educativo da música e interagir com a juventude através das linguagens artísticas. O festival foi dividido em três categorias: MPB e Pop Rock, Gospel e Nativista, infantil até 11 anos, Juvenil de 12 a 15 anos e adulta de 16 anos em diante.

POP ROCK-MPB (Infantil)

1º lugar – Helena Xarão Figueiredo, Escola Perpétuo Socorro

2º lugar – Luana Biscaglia, Escola Sueni Goulart

GOSPEL (inédita)

Gospel Inédita Juvenil

1º lugar - Priscila Langendorf Moreira, com "Foi por você"

Prêmios de Melhor Arranjo, Melhor Intérprete e Melhor Letra

Melhor Banda: Banda Recomeçar

Gospel Adulta

1º lugar - Madiane Dias Gomes - "Sei é bem assim"

Categoria MPB

1º lugar - Sandy e Cristiane de Lima - "Só vejo você"

Categoria Nativista

Infantil

1º lugar - Ana Laura Cornel - "Cantadores"

2º lugar - Maria Eduarda Biscaglia - "Vitória Régia"

Juvenil

1º lugar - Layra Souza - "O Mal Amado"

2º lugar - Ruan Boscaini - "Arranchado"

Inédita Juvenil

1º lugar - "Lamentos de uma alma", com Ruan Boscaini

Prêmio de melhor intérprete, melhor letra e melhor arranjo vocal

2º lugar - "Voltando à querência", com Peterson Langendorf

Prêmio de Melhor Instrumentista, com Aroldo Torres

Interpretação Adulto

1º lugar - Mauro Silva e Lucas Cornel, por "Negro Betão" (Escola Estadual João Pedro Nunes)

Categoria Adulta Inédita

1º lugar - "No Rastro de Algum Cambicho", com Mauro Silva e Daner Marinho (Escola Estadual João Pedro Nunes)

Prêmios de melhor arranjo e melhor instrumentista

2º lugar - "Aguaceiro" (Êxito Cursos), com Daner Marinho e Leandro Benedetti

Prêmios de melhor letra e melhor intérprete, com Daner Marinho