Palmira Vieira da Silva será a homenageada em nível Municipal na Semana da Pátria 2014

Com a presença de diretores e representantes de estabelecimentos de ensino da rede pública municipal, estadual e particular, de entidades de classe, igrejas, clubes de serviço, entre outros, prosseguiu no final da manhã de quarta-feira, 13, mais uma das séries de reuniões organizadas pela Secretaria Municipal de Educação (SEME) com o objetivo de definir a organização da Semana da Pátria 2014. Na ocasião, a equipe da SEME através das coordenadoras Administrativa Branca Estelita Wiesel, e de Eventos Márcia Dornelles e do Professor de Educação Física Paulo Ricardo Monteiro Molina, explicou os detalhes referentes as atividades previstas na programação oficial, como a chegada do Fogo Simbólico ao Município no próximo dia 21 e a realização de mais uma edição do Torneio Verde Amarelo, de 3 a 5 de setembro.
A coordenadora destacou que a abertura oficial acontecerá no dia 1º de setembro às 9 horas no Espaço Cívico da Praça Dr. Fernando Abbott com o acendimento da Pira. Também durante a semana estão previstas Saudações Cívicas, Hora Cívica com a participação dos alunos das Escolas Municipais e Culto Ecumênico, entre outras atividades, culminando no dia 7 a partir das 13h30min com o Desfile Cívico Militar e Estudantil e o encerramento oficial às 18 horas pelo Prefeito Municipal e o Comandante da Guarnição Militar Federal de São Gabriel.
Durante a reunião a coordenadora salientou que conforme foi definido pela Liga da Defesa Nacional do Estado do Rio Grande do Sul (LDN) o Tema Nacional será “Meu Jeito de Ser Brasileiro”. Já em relação a homenagem Nacional o destaque é a “Amazônia - Patrimônio Histórico”, e Estadual será o compositor Lupicínio Rodrigues - “100 Anos de Dores e Amores”. Em nível local Branca Wiesel anunciou que a homenageada será a Srª Palmira Vieira da Silva.
Em relação à homenageada municipal, o prefeito Roque Montagner fez questão de ressaltar o reconhecimento do Executivo e da comunidade gabrielense a Palmira Vieira da Silva. Conforme ele “seu coração era extremamente grande e sensível com uma bondade imensa. Doou parte de sua vida aos mais necessitados, em especial aos pequeninos, deixando muitos legados que os gabrielenses poderão usufruir, entre eles está o Instituto Palmira Vieira da Silva, que infelizmente estava desativado, o Instituto São Gabriel (Lar das Meninas) e a Fundação Agrária e outras propriedades a entidades Santa Casa e Asilo São João”, declarou o prefeito. Roque disse ainda que o Governo Municipal está resgatando esta parte da história de São Gabriel com a efetivação da assinatura de um convênio com o referido Instituto, tornando oficial a oferta de 70 vagas para a Escola de Educação Infantil (berçário, maternal e jardim).