Textículos do Mário Mércio

Mário Mércio
Escritor e colunista do site

CIRCO DE RUA
Todos já viram aqueles jovens artistas de rua, que fazem malabarismo na frente dos carros. Isso é normal em países atrasados, pobres, onde um jovem artista se submete a pedir esmola a transeuntes e motoristas em pleno trânsito louco das cidades.
Há poucos dias observei dois jovens que se revezavam fazendo suas artes frente aos carros, depois foram para a praça, onde os revi com mais tranquilidade.
Eles de fato eram bons artistas, dominavam suas artes com enorme presteza. Vezes ou outra a bola caia ou o chapéu não encaixava na cabeça, mas o público aplaudia assim mesmo. Por mais que eles tenham ensaiado, eles erravam. Um chegou a cair de sua bicicleta de uma só roda, ou unocleta, seria mais razoável o nome.
Prefiro acreditar na hipótese de que a alegria e a destreza dos atletas/artistas de interagir com o pequeno público em sua volta fosse mais valioso do que um numero perfeito. 
Ao final da apresentação, observei-os guardarem tudo em uma bolsa/mochila para irem descansar em algum lugar, cujo nem faço ideia. Mas vi-os também colocarem aquelas esmolas no bolso, sem conta-las, como se não estivem envergonhado do que faziam.
E com a maior humildade, curvaram-se aos assistentes e agradeceram, colocando a mochila nas costas e saindo aos passos.
Nos todos ali rimos de seus acertos e seus fracassos, sem desmoralizá-los, até porque a cada vez que erravam faziam uma cara gozada, de rir mesmo!
Seu talento serve pra ensinar-nos que não só quem ganha é feliz, mas que sabendo errar e tentar acertar é normal na vida, em todas as idades e profissões. Ninguém é perfeito, nem um artista que vive de sua arte. 
Buscar a perfeição talvez seja o maior defeito do ser humano. A perfeição é estática, pronta e não se comove. Obviamente não existe. Que aprendamos a sorrir e conviver bem diante do nosso fracasso, de nossos erros - -esse sim, é que nos ensina e nos faz agir para mudanças e, acima de tudo, nos torna mais humanos e nos coloca mais perto de Deus.