MAIS EDUCAÇÃO: COM 17 INSTITUIÇÕES ESTE ANO, SÃO GABRIEL PASSARÁ A CONTAR COM MAIS DUAS ESCOLAS NO PROGRAMA EM 2015

“Meu filho gosta muito de participar das oficinas. Para nossa família foi muito bom ter implantado o programa na escola, pois fico sabendo que ele está sendo assistido por pessoas responsáveis e competentes”. O comentário é da dona de casa Débora, mãe de um aluno da Escola Municipal Homero Prates, se referindo aos resultados obtidos com a inclusão do filho ao Programa Mais Educação.
Este ano, a Secretaria Municipal de Educação de São Gabriel – SEME/SG desenvolveu o programa em 17 instituições de ensino do Município. Em 2015, o número de escolas beneficiadas passará para 19. Na prática, hoje, estão sendo beneficiadas mais de 1200 crianças com atividades em turno inverso ao das aulas. De acordo com a coordenadora do Programa Mais Educação da SEME/SG, Patrícia Biscaglia Pozzati, este número poderia ser ainda maior, assim como foi no primeiro semestre, quando foram cadastrados 2.300 alunos. “Chegamos a ter esta quantidade de alunos participando das oficinas, mas, por causa do frio ou por outras razões, no decorrer do ano, alguns foram desistindo. Esta é uma das nossas metas para o próximo ano, conscientizar o estudante da importância das atividades e mantê-los ativos no Programa”, explicou.
O debate sobre o Programa e propostas de melhoramento no sistema de atendimento foram algumas das metas de oficinas e grupos de trabalhos instituídos durante o ano. Em novembro, um encontro na Escola Municipal Evaristo Casado, no Bairro São Clemente, reuniu 34 profissionais ligados ao Programa Mais Educação. “Focamos quatro eixos: gestão do programa, proposta pedagógica, formação continuada e elementos fundamentais para operacionalização. O ano foi importante. Avançamos muito na questão da educação integral, informação continuada e na capacitação de monitores. Por fim, reafirmamos e firmamos propostas para 2015”, complementou.
A gestão do Programa, em São Gabriel, é elogiada por pais, alunos e professores. “Dentro da sala de aula notou-se que o aluno melhorou muito. A maioria das avaliações aponta que o estudante tem melhorado o desempenho nos estudos”, argumento Patrícia.
No interior do Município, em 2015, São Gabriel vai ter 100% das escolas polo inseridas ao Programa Mais Educação. Atualmente, somente as instituições Baltazar Teixeira da Silveira e Mascarenhas de Moraes ainda não estão participando. 
O incentivo ao estudo e o melhoramento no processo de aprendizado são alguns dos destaques do Programa. Em escolas do campo, por exemplo, a proposta é desenvolvida de acordo o foco de cada comunidade. Nestas instituições, as direções buscam oficinas que trabalham técnicas de agroecologia e horta escolar, fortalecendo o elo do jovem com o campo e combatendo o êxodo rural.
Na cidade, são realizadas oficinas de esporte, música, pintura, educação ambiental e educação dos Direitos Humanos e, ainda, acompanhamento pedagógica, esta última uma exigência.
O encerramento das atividades está marcado para o final desta quinzena na maioria das instituições. Na Escola Ginásio São Gabriel, uma das últimas a ingressar em 2014, o Programa será encerrado oficialmente no sábado (13), às 16 horas. Mas a escola realizada de segunda (08) a sexta (12) uma série de eventos na área interna do educandário.