“O Governo Municipal está mobilizado em defesa da permanência do Posto da PRF em São Gabriel”, afirmou o Prefeito

Na manhã de quinta-feira (04), o prefeito municipal - Roque Montagner se dirigiu a comunidade gabrielense através da imprensa para se reportar a questão que envolve o provável fechamento do Posto da Polícia Rodoviária Federal de São Gabriel.
O Chefe do Executivo destacou que em recente viagem a Brasília, esteve tratando sobre o tema com o Senador Paulo Paim, Deputado Federal Paulo Pimenta e diretamente com a Diretora Geral da PRF - Inspetora Maria Alice Nascimento Souza. Na oportunidade, o prefeito destacou a preocupação da comunidade gabrielense, inclusive, lamentou a forma silenciosa do desmonte que segundo informações preliminares deverá ocorrer nos vários Postos da PRF em diversos municípios gaúchos. 
O prefeito Roque afirma: “Isso não nos convence. É uma justificativa não convincente. Em São Gabriel é louvável, responsável e de suma importância a permanência deste Posto e de seus patrulheiros, pois desta forma, o trabalho abnegado dos mesmos, nos garante tranquilidade e segurança”, disse Montagner.
Conforme ele, a BR 290 é uma veia horta por onde trafegam milhares de veículos, turistas e transportes de mercadorias vindas dos quatro países do Mercosul. “Através de informações do Posto da PRF de Uruguaiana, cerca de 170 mil turistas passam pelo eixo da BR 290 durante o ano” afirmou Roque, salientando que há tempos atrás se tinha outra expectativa, a de que seria construído um novo Posto situado junto ao Trevo de Bagé. De repente com a reestruturação da PRF em Brasília, nos deparamos com a possibilidade do fechamento do Posto já existente.
De acordo com o prefeito, é frequente o registro de assaltos, transporte ilegal de mercadorias e de ocorrências de acidentes na BR 290, sendo que em muitos destes, os agentes do Posto da PRF acabaram salvando muitas vidas, agindo com rapidez e segurança. “Todas estas ações devem ser levadas em consideração. Não resolve reduzir o número de agentes em São Gabriel, pois os que forem remanejados para outros Municípios, dificilmente retornarão para cá, e, isso geraria muitos transtornos, principalmente no que tange as despesas e desconforto para suas famílias”, asseverou.
O prefeito ressaltou ainda que a partir da 2ª quinzena deste mês, o movimento na BR 290 ficará mais intenso com a chegada do final do ano, e isso aumentará mais ainda nos meses de Janeiro, Fevereiro e Março de 2015, com o início da colheita de eucaliptos. “Só em São Gabriel foram plantadas 18 mil hectares e a previsão é de que em média 80 caminhões trafeguem por dia na BR 290 até a planta na cidade de Guaíba, com velocidade reduzida aumentando consideravelmente o percentual de acidentes de trânsito”, frisou.
O prefeito acredita que em virtude da Copa do Mundo e também do período eleitoral, o Governo Federal ficou impossibilitado legalmente de efetuar concursos, contratações e outros trâmites burocráticos. “A informação é de que no início de 2015 deverão ser nomeados em torno de 500 policiais rodoviários. Estamos atentos, após oficializarmos os parlamentares da Bancada Gaúcha na Capital Federal da nossa preocupação em relação ao fechamento do Posto da PRF ou redução de patrulheiros, estaremos oficializando a AMFRO e Assembleia Legislativa. Iremos acompanhar de perto o desmembramento do assunto. Somos solidários a mobilização da Câmara Municipal de São Gabriel, as entidades e a população que não aceita a desativação parcial ou definitiva do Posto da PRF ”, concluiu.