Palavras Soltas

Cecília de Assis Brasil Petrarca Figueiredo
Colunista do site

No ano novo eu desejo pra todo mundo uma vida de verdade! Um dia de sol, sorvete de chocolate, admirar a lua e contar estrelas no céu. Um dia de chuva, barulho de pipoca na panela, cheirinho de café, deitar no sofá, um filme já visto na televisão. Céu azul, cinza, prateado, dourado, simplesmente céu. Uma casa aconchegante, flores na janela, pessoas sorridentes, crianças felizes, velhinhos cochilando, pessoas passeando na rua. Dormir até tarde, perfume de banho, caminhar no campo, vento com cheiro de alecrim. Acordar de manhã bem cedo, passarinhos cantando, Nescau bem gelado tomado de canudinho, abraçar um amigo, família chata maravilhosa perfeita imperfeição NOSSA. Pão bem quentinho com a manteiga derretendo, escutar uma música e lembrar de outros tempos, água bem fresquinha tomada de "gutegute". Calor estonteante, banho de sol, de açude, de rio ou de sanga, andar de pés no chão, sentar na sombra, animais circulando, fechar os olhos, sonhar sem se preocupar em realizar. Batata frita, bife e ovo com arroz bem branquinho, doce de leite, se espreguiçar e continuar deitado, cabelo molhado, cerveja estupidamente, cheirinho de talco, amor ...
Lista infinita, de coisas singelas que a gente esquece de valorizar, que não têm preço, mas que têm as mais belas cores e os sabores mais maravilhosos do mundo! Sentimentos genuínos que significam simplesmente a tão disputada FELICIDADE . 
Um beijão com carinho aos amigos queridos!