1ª Feira Empreendedora – “Transformando ideias em negócios” movimenta acadêmicos da URCAMP-São Gabriel

Imagine todos os trâmites para a criação de uma empresa: formação do quadro de sócios, estudo de despesas, fundo de receitas, comercialização de produtos, cálculo de alíquotas... Foi exatamente isso que os acadêmicos de Administração e Ciências Contábeis da Urcamp – São Gabriel foram desafiados a fazer. 
O trabalho que vem sendo projetado desde o começo do semestre saiu da teoria e ganhou a prática. A Atividade integradora interdisciplinar dos Cursos de Administração e Ciências Contábeis é um método que já faz parte da programação pedagógica do campus e desta vez, apresentou a 1ª Feira Empreendedora: “Transformando ideias em negócios”, que aconteceu na noite da última terça-feira, (23) no saguão de entrada da universidade. 
Utilizando o conhecimento adquirido em cada um dos cursos, os estudantes formaram os grupos e deram inicio aos projetos. O resultado foi a criação de 12 empresas, que deram aos alunos a dimensão exata da prática profissional. “Os grupos tiveram que montar empresas e definir seus sócios. Todos entraram com uma cota, para dar inicio as primeiras despesas, elaboraram planilha de custos, para aquisição de produtos e para a produção de mercadorias. Alguns formaram grupos mistos com integrantes dos dois cursos, o que possibilitou a troca de conhecimento das duas áreas”, explica o Coordenador de Ciências Contábeis, professor Cosma José Thomas.


Apesar da atividade ser direcionada aos acadêmicos do 1º ao 6º semestre, também envolveu alunos do 7º e 8º. Eles desempenharam o papel de avaliadores dos projetos. Para o coordenador do Curso de Administração, professor José Larri de Freitas Pinto, a interdisciplinaridade foi determinante para o sucesso da atividade: “A gente não constrói nada sozinho. O apoio dos colegas professores foi imprescindível para que pudéssemos alcançar o sucesso desse trabalho. Posso dizer que saímos bastantes orgulhosos desse evento, que é resultado de uma construção conjunta, tanto dos alunos quanto dos professores”.
Na percepção dos alunos, a atividade fortaleceu a certeza de que o curso em que estão inseridos corresponde plenamente à profissão que eles querem seguir: “Tivemos uma visão exata da realidade, fizemos pesquisa de mercado, pesquisa de resultado visando o lucro. E uma aproximação muito grande da realidade e nos fez ver, o quanto é amplo o mercado e a importância de todos os passos para se abrir uma empresa”, disse o acadêmico Crisntian Wenske, que cursa o 1º semestre de Administração.
Para o acadêmico Tarcisio Souza do 4º semestre de Ciências Contábeis, a feira representa muito mais do que uma atividade extraclasse: “Esse projeto da Universidade nos dá gás para continuarmos e reforça a certeza de que estamos no curso certo”.
Cerca de 180 alunos estiveram envolvidos na atividade focada no empreendedorismo. Todas as disciplinas trabalharam esse tema com os alunos desde o começo do semestre. “Hoje estamos coroando essa atividade com essa feira empreendedora e diante de todo o caminho percorrido pelos nossos profissionais educadores e pelos nossos acadêmicos, nessa ação conjunta em prol do conhecimento, podemos afirmar com toda a certeza que este é um evento de sucesso. Aqui ganham os acadêmicos com a prática profissional, ganham os professores com a realização de um projeto de sucesso e ganha a Universidade, que mais uma vez reafirma seu caráter empreendedor, oferecendo uma educação de qualidade e cada vez mais inovadora”, destacou o Pró Reitor Hélio Lemos Menna.
A empresa “Churras com Molho” foi a grande vencedora da atividade integradora interdisciplinar e a empresa: “Sweet Cup” foi a segunda colocada. As empresas campeã e vice-campeã foram premiadas com troféus e medalhas.