Nota oficial à imprensa


Diretório Municipal de São Gabriel/RS
  
NOTA OFICIAL À IMPRENSA:
            Tendo em vista recente reunião realizada pelo Diretório Municipal do PPS, em que foi discutida e colocada em votação a continuidade da participação do Partido no atual governo, informamos à população gabrielense o seguinte:
Foi aprovado pelo Diretório Municipal que o PPS não deve mais continuar dando apoio ao atual governo, tendo em vista não concordar com a forma como esta sendo administrado nosso município, baseando-se principalmente nos seguintes argumentos:
 *As decisões administrativas e políticas mais importantes são tomadas junto à poucas pessoas, sem que o Prefeito reúna e ouça o seu Vice-Prefeito, as lideranças políticas, o PPS e os demais partidos que lhe ajudaram chegar ao Poder, os quais poderiam colaborar muito nas tomadas de decisão, fato este já alertado várias vezes por integrantes de nosso partido;
*Assistência mínima ao homem do campo e área rural, principalmente com relação às estradas, posição esta sempre defendida pelo PPS;
*Inexistência de uma relação harmoniosa com o Poder Legislativo durante grande parte do mandato;

*A questão da desapropriação, sem efeito prático nenhum, onde nunca fomos ouvidos para opinar;
*Reputação negativa do Governo criada junto à Comunidade, pelo fato de ter muita gente “mandando” e tomando decisões administrativas e políticas que caberiam ao Prefeito;
*Demora exagerada nas decisões, o que atrasa as ações administrativas e torna o governo lento e ineficaz em várias áreas, diferente do que foi proposto durante a campanha eleitoral, que seria uma administração ágil e eficiente.
*Imagem extremamente negativa da administração perante grande parte da população, devido aos inúmeros conflitos criados em diversas áreas da comunidade, que desgastaram enormemente o governo.
Após análise de todos estes fatos, entre outros, com posterior votação pelos membros do Diretório, o PPS decidiu pelo afastamento da administração municipal, sendo que no dia de hoje (06/julho/2015) foi realizada uma reunião junto ao Prefeito e ao Presidente do PT, onde foi entregue um documento comunicando oficialmente os motivos do rompimento e colocando à disposição os cargos (CCs) ocupados por filiados ao PPS que exercem funções junto ao Governo, entregando também o comando da Secretaria de Planejamento e Projetos, que era a única Secretaria ocupada pelo Partido junto à atual Administração.     O PPS tem o entendimento que todo o Governo é feito de erros e acertos, mas os erros, quando detectados, devem ser corrigidos imediatamente, para evitar que desgastem de maneira irreversível a imagem do Governo.  As esperanças depositadas pelo PPS e pela maioria dos gabrielenses em um jeito diferente de administrar e um governo melhor acabaram frustradas e a decepção é muito grande.  Esperamos muito, até demais, para que as mudanças acontecessem e nada foi melhorado.  A esperança morreu.  Acreditamos que tudo vai continuar como está até o final desta administração, pois não vislumbramos ações que possam melhorar o quadro político/administrativo e ter, enfim, a aceitação da população, que esperava um governo de bom censo, renovador e com mais atitudes.    

Assinam os membros abaixo, representando o Diretório Municipal do PPS:
  
Evandro Obaldia Guedes,
Vice-Prefeito do Município.

Paulo Sérgio dos Santos Raeder,
Membro da Executiva e ex-Secretário do Município.

Evaristo de Oliveira Guedes,
Presidente Municipal do PPS.