Design-sem-nome-1

Covid-19: novo decreto impõe restrições para eventos com mais de 200 pessoas

A Associação de Municípios da Fronteira Oeste, pela unanimidade do voto dos prefeitos da região, impõs um novo protocolo sanitário com validade imediata para toda a região, criando novas restrições para eventos sociais acima de 200 e outras para eventos acima de 400 pessoas, em virtude do aumento da contaminação com o Coronavírus.
Com base neste novo protocolo regional, fruto de um Estado de Atenção declarado pela Secretaria Estadual de Saúde para a região, o prefeito Rossano Gonçalves assinou o novo decreto 003/2022, na tarde desta segunda-feira, 10, em reunião com a diretora jurídica da Secretaria de Governo, Michelle Costa, estipulando regras mais rígidas para eventos e aglomerações, restringindo, de imediato, eventos de entretenimento, em locais abertos ou fechados, públicos ou privados.
Pelas novas regras, eventos entre 201 a 400 pessoas só poderão ser realizados com autorização do Comitê de Operaçōes Emergenciais Municipal, subordinado à Secretaria Municipal da Saúde, e acima 401 pessoas somente com autorização do Comitê Regional, subordinado à Associação de Municípios da Fronteira Oeste - AMFRO. A presença em eventos acima de 200 pessoas requer a apresentação da carteira de vacinação com no mínimo duas doses. 
Pelo novo regramento, ficam cancelados todos os eventos de qualquer natureza em espaços públicos, como praças e vias públicas.
A recomendação regional aos prefeitos implica em reforçar a fiscalização e orientação dos  protocolos básicos obrigatórios, como o Uso Obrigatório de máscara, distanciamento preferencial de 2 metros entre as pessoas e obrigatoriamente nunca menor que um metro; ventilação natural e renovação do ar, com portas e janelas bem abertas ou sistema de circulação de ar;
Limpar bem as mãos e as superfícies com água e sabão, álcool 70% ou similares. "Estamos em um novo momento de contágio do Coronavírus, com uma variante que contamina com maior intensidade e menor letalidade. Precisamos do cuidado coletivo e do comprometimento de todos", assinalou.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.