too-novo-2021new

Mobilização em Guaíba pede justiça pela morte de Gabriel Marques Cavalheiro

Neste domingo (11), às 15h, será realizada uma caminhada por justiça para Gabriel Marques Cavalheiro, jovem de 18 anos, natural da cidade, que foi encontrado morto em São Gabriel. Até o momento, os policiais militares estão presos e respondem pela responsabilidade da morte do jovem.
A concentração da caminhada está prevista para acontecer em frente à Prefeitura Municipal de Guaíba. Familiares, amigos e movimentos sociais se reunirão e seguirão em marcha até o Comando Regional de Polícia (CRPO).
Gabriel desapareceu no dia 12 de agosto, em São Gabriel, após ser abordado por três policiais militares na Rua 7 de Setembro, no Bairro Independência. Amigos e familiares deram início às buscas e a um processo de mobilização por meio das redes sociais. Após seu desaparecimento, surgiram vídeos de seu último momento visto com vida, sendo levado detido por três policiais.
O corpo de Gabriel foi localizado na sexta-feira (19), uma semana depois do desaparecimento. Ele estava submerso em um açude na localidade. Os policiais foram presos no mesmo dia. Após, a Justiça do RS aceitou denúncia do Ministério Público (MP) e os tornou réus. A decisão da juíza Juliana Neves Capiotti, da Vara Criminal de São Gabriel foi proferida na terça-feira (6).
Os agentes respondem por homicídio triplamente qualificado (meio cruel, motivo fútil e mediante recurso que dificultou a defesa da vítima); ocultação de cadáver e falsidade ideológica.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.