Na véspera do Dia da Mulher, duas agressões em São Gabriel

Uma frase diz que "em uma mulher não se bate nem com uma pétala de rosa", entretanto, da véspera do Dia Internacional da Mulher, dois casos movimentaram a segurança pública.
O primeiro foi no sábado, 7, às 21h30min, quando uma guarnição da Brigada Militar, quando em policiamento, na Avenida Francisco Hermenegildo, avistou uma mulher sendo agredida por um homem. 
Diante do exposto, os policiais abordaram o suspeito que se encontrava alterado e tentou resistir.
Consequentemente, foi necessário o uso moderado da força para contê-lo, imobilizá-lo e algemá-lo. Em seguida, as partes foram encaminhadas à Delegacia de Polícia para os devidos fins.

OUTRO CASO
No mesmo dia, por volta das 21h40, a sala de operações acionou uma guarnição da BM a se deslocar na Rua Albino Jesuíno de Souza, Bairro Brasil, em atendimento de uma ocorrência em que uma mulher fora agredida fisicamente por seu companheiro, restando lesões leves no pescoço.
Diante dos fatos, as partes foram encaminhadas ao HPS e posterior à Delegacia de Polícia, para os devidos fins.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.