Design-sem-nome-1

Família são removidas de área no Bairro Santa Izabel

Na manhã desta terça-feira, 15, cerca de 50 famílias foram removidas da área pertencente à Prefeitura no Bairro Santa Izabel, em reintegração de posse concedida pela Justiça. A desocupação acontece mais de 50 dias após as famílias terem chegado ao local, a partir de 2 de novembro e utilizou grande efetivo da Brigada Militar.

Segundo informações repassadas pela Brigada Militar, a operação iniciou às 6h da manhã, com prazo até as 9h para as famílias poderem retirar os bens que precisariam. Foi a segunda vez que houve a notificação, e até então, haviam 75 barracas no local. A grande maioria deverá retornar para casas de familiares e as que não tem onde ir, as autoridades serão notificadas para tomar providências.

 
A Brigada estava com barreiras na Rua Liara Souto Pereira, onde não foi possível chegar mais perto por medida de segurança. Em manifestação à imprensa, um dos líderes, identificado como Giovani Pohia, cobrou providências da Prefeitura e Vereadores. 
"Não se mexeram nenhum momento para nos ajudar, enquanto que doam terrenos para quem não precisa. Lamentável que em plena pandemia, famílias tenham de sair daqui, de um local que tinham segurança para ficar abandonadas", afirmou.
Após a retirada, tratores e caminhões da Prefeitura retiraram as barracas.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.