Design-sem-nome-1

Reinício das aulas: saiba como serão as regras para a retomada do ensino híbrido

Ao longo desta semana, as escolas públicas municipais, que abrigam um contingente de mais de 6.900 alunos matriculados, receberam um conjunto de orientações e protocolos para a retomada gradual do ensino presencial. O reinício no dia 14 (segunda-feira) será apenas para aqueles que comunicaram às direções das escolas o interesse pelo retorno presencial, alunos da Pré-Escola da Educação Infantil, do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental e do Ensino Médio das Escolas Urbanas (EMEIs, EMEFs e ETM).
Segundo o secretário municipal de Educação, professor Edjor Borges, as direções das escolas receberam orientações rígidas para garantir a segurança e a preservação da saúde de alunos, funcionários e professores durante o processo de reabertura. 
Além disso: “Os pais ou responsáveis não são obrigados a levar seus filhos, onde a escola garantirá o envio ou entrega das atividades pedagógicas de forma remota”, ressalta. 
Para isso, como forma de organização, pais ou responsáveis deverão assinar um termo de responsabilidade pela opção do retorno do Ensino Presencial ou pela continuidade do Ensino Remoto.

Conforme as orientações enviadas, os turnos terão horário reduzido para 3 horas e a entrada/saída dos alunos será de forma escalonada, por turmas, com 15 minutos de intervalo entre elas. Todos os dias, antes da entrada na escola, os pais/responsáveis responderão um questionário sobre os principais aspectos da saúde do estudante, que no final da semana será encaminhado ao Comitê COVID de São Gabriel/RS.
Somente os alunos poderão entrar na escola e, após o questionário, deverão ir diretamente à sala de aula. No meio de cada turno, será realizado um intervalo dentro da sala de aula, onde cada aluno permanecerá em seu lugar e será ofertado o lanche individual. Logo após será recolhido os resíduos da merenda e será higienizado toda a sala de aula.
Os alunos que apresentarem sintomas ou que tiveram contato com casos positivos, não acessarão a escola. Caso identifique situação de sintomas, durante a aula, o aluno é isolado, e a família e o Comitê COVID são comunicados imediatamente. A turma em que houver alguém positivado que esteve na escola, terão as aulas suspensas, só retornando após os prazos dos protocolos. 
“Todos os cuidados estão sendo tomados. Os protocolos existem e estamos aplicando com absoluto rigor para garantir a segurança de todos”, assinala o secretário.
O uso de máscara é obrigatório por todos na escola. Sugere-se ainda que os alunos, professores e funcionários levem a sua garrafa com água e máscaras reservas, mesmo as Escolas estando equipadas com os EPIs obrigatórios.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.