too-novo-2021new

Caso Bento: primeiro júri de réus começa amanhã

Um dos casos mais rumorosos da justiça local e gaúcha terá o início de seus júris a partir de amanhã, 6 de julho. O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul informou nesta segunda (4) a data dos julgamentos dos dez réus acusados de participar da morte do policial militar Bento Júnior Teixeira Borges, morto na manhã de 25 de dezembro de 2016 em um posto de combustíveis na entrada de São Gabriel e o primeiro deles será nesta quarta, a partir das 9h no Fórum local. A informação foi repassada pela assessoria de comunicação do TJRS.
Os dez réus serão julgados em dois júris. O primeiro será nesta quarta, 6 de julho, onde serão julgados os acusados Adriel Gomes Corrêa, Anderson Martins Pedroso, Sílvio Jobim D' Ávila, Robison Carvalho Pereira, Paulo César dos Santos Ferrer e Alan Costa Rieffel. O segundo júri será em 24 de agosto, onde serão julgados Roberto Carlos Carvalho Pereira, Giovani Castro Morback, Anderson Varreira dos Santos e Patrick Cassal Madri.
Todos os dez réus estão presos preventivamente e respondem pelos crimes de homicídio qualificado (motivo torpe, meio cruel e mediante recurso que dificultou a defesa da vítima) e corrupção de menores. Além desses dois delitos, parte dos acusados também responde por dano. As sessões serão presididas pela Juíza de Direito da Comarca de São Gabriel, Juliana Neves Capiotti. O julgamento está sob um forte esquema de segurança.
  
RELEMBRE O CASO
O crime ocorreu na manhã de 25 de dezembro de 2016, após ums briga de casal que resultou em uma confusão envolvendo um grande número de pessoas. Bento, que tinha 36 anos na época, estava de folga e tentou conter a briga, vindo a disparar tiros que acertaram um adolescente, que morreu na hora. Após os disparos, o policial foi perseguido e desarmado, espancado e esfaqueado por um grupo de pessoas envolvendo adultos e adolescentes. Ele foi levado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.