Polícia abre inquérito para apurar denúncia envolvendo menina de 7 anos

A Polícia Civil de São Gabriel abriu inquérito policial para apurar uma denúncia de violência sexual envolvendo uma menina de 7 anos. O caso chegou ao conhecimento dos policiais através do Conselho Tutelar. A vítima está hospitalizada.
Uma fotografia, de um militar com uma criança, está sendo divulgada através de grupos de whatsApp. Junto com ela, as pessoas estão compartilhando uma mensagem que coloca o homem como autor da violência contra a menina.
José Soares Bastos, delegado de Polícia de São Gabriel, explica que o inquérito está em fase inicial e que existem suspeitos de autoria. Todos os nomes estão sendo investigados. Não foi feita nenhuma prisão.
O delegado garante que fotos e nomes não foram divulgadas pela Polícia Civil. Segundo ele, a veiculação deste tipo de material pode resultar em responsabilização, com ação civil ou queixa crime por calúnia partindo de quem se sentir ofendido com as acusações.
A Polícia Civil não tem conhecimento “oficial” de tais fatos. Conforme o delegado, para que a divulgação de tais fotos possa ser apurada, é necessário que a Polícia Civil seja comunicada (seja feita uma ocorrência). Sem registro policial, o fato é visto apenas como boato.

Fonte: N1 Notícias

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.