Acusada da morte de Xepa tem prisão preventiva decretada

Após ser detida, ouvida e liberada no último dia 27 de maio, uma mulher, de iniciais S.D.M., de 35 anos, foi presa de forma preventiva, na tarde desta terça-feira, 2.
Ela é acusada do assassinato de Camila Brasil de Moraes, de 30 anos, conhecida por Xepa.
Camila foi morta na noite de 26 de maio, em frente à sua casa na Rua Mário de Luca, no Bairro Vargas (a rua do antigo Hotel Centenário).

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.