Bares não poderão vender depois das 22 horas: decreto amplia restrições por causa da bandeira laranja

O prefeito Rossano Gonçalves determinou novas medidas restritivas visando a prevenção e o combate a COVID-19 em São Gabriel. Um novo decreto foi anunciado no final da tarde desta quarta-feira (3) focando, principalmente, o comércio em bares, lancherias e restaurantes.
De acordo com o novo texto, bares e atividades do gênero poderão realizar atendimento presencial até às 20 horas, ficando permitida a tele entrega até as 22 horas. Já os restaurantes poderão disponibilizar atendimento presencial só até às 22 horas, podendo seguir atendendo, por tele entrega, a partir deste horário.
Outra medida anunciada diz respeito aos estabelecimentos que disponibilizam serviços de buffet, sendo proibido o autosserviço e somente permitido que funcionários possam servir os clientes, desde que adotem as exigências de higienização.
Em todos os casos ainda valem as medidas de segurança e higienização manifestadas no decreto anterior.

Confira o decreto:


Confira os números desta quarta-feira:

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.