Caso Bugio do Pedroso: após acidente com criança, placa é colocada no local

Na manhã de hoje, 11, as voluntárias do grupo Patinhas e Focinhos, juntamente com o Secretário de Serviços Urbanos, André Focaccia, foram até o Balneário Pedroso, localizado na RS-630, para colocar uma placa informativa, com avisos de como se comportar na presença do macaco bugio.
Desde janeiro deste ano, o grupo lançou uma campanha de esclarecimento e preservação do animal, que vive em seu habitat, e se tornou agressivo em razão da intensa movimentação dos veranistas no local, incluindo som alto.  

Na terça-feira, 9, uma criança de 1 ano chegou a ser atacada pelo animal, o que gerou diversos comentários nas redes sociais, onde a mãe da criança, Josiane Guedes, informou que seu filho sequer chegou perto do animal e acabou sendo agredido. A criança passa bem.
E para evitar outros acidentes deste tipo, o Patinhas e Focinhos segue com o trabalho de educação e conscientização sobre os bugios, com postagens e avisos nas redes sociais, que posteriormente serão colocados no balneário. 
O médico veterinário Yuri Ramos alerta que as pessoas não cheguem perto do bugio, mantenham uma distância mínima de 10 metros, não o alimente e que respeite o espaço do animal para que não ocorram outros acidentes.

"Esperamos que a população respeite os avisos de segurança e que não aconteça mais nenhum acidente", disse Érica.
A Brigada Ambiental, juntamente com veterinários, biólogos e Promotoria já estão tomando as devidas providências, para preservação do bugio daquela área.
O grupo ainda reforça que quem fizer algo contra o bugio, vai responder por crime ambiental.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.