Design-sem-nome-1

Saneamento: Experiência local de concessão é apresentada ao Presidente da FAMURS

O anúncio recente da decisão do governador Eduardo Leite em privatizar a Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan) precipita um debate sobre o futuro da concessão de água e esgoto nos 317 municípios gaúchos atendidos pela estatal. Justamente por isso, na manhã desta quinta-feira, 22 de abril, o prefeito de São Gabriel, Rossano Gonçalves (PL), recebeu a visita do presidente da Famurs (Federação de Associações de Municípios do Rio Grande do Sul), Emanuel “Maneco” Hassen (PT), prefeito de Taquari.

O presidente da Famurs veio a São Gabriel no intuito de conhecer a experiência gabrielense de concessão do serviço público de água e esgoto, iniciada em 2012, com o fim do contrato da Corsan e a criação de um Plano Municipal de Saneamento, com metas estipuladas para quem vencesse a licitação. “Estamos a caminho de ter 60% do esgoto da cidade tratado e canalizado até agosto, e no mês de maio entrará em funcionamento a nova estação de tratamento de esgoto”, assinalou o prefeito Rossano.
O presidente da Famurs tem realizado diversos encontros com deputados, ex-presidentes da Corsan e prefeitos, para pautar a posição dos municípios no enfrentamento do tema da privatização da Corsan. “Esse tema foi anunciado sem nenhum diálogo com os prefeitos, e queremos garantir que os municípios gaúchos, especialmente os menores, não tenham seus serviços de água e esgoto abandonados à própria sorte. A experiência de São Gabriel, executada pelo prefeito Rossano, certamente tem muito a contribuir na direção que vamos tomar como federação”, assinala Hassen.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.