Inserir-um-subt-tulo-18

São Gabriel já aplicou mais de 118 mil doses

Nesta quarta-feira, 19, completa-se um ano do começo da Campanha Municipal de Vacinação contra a Covid-19, com a chegada das primeiras 563 doses da vacina Coronavac/Butantan, vindas da 10ª Coordenadoria Regional de Saúde, com sede em Alegrete. Uma breve solenidade, realizada no Centro de Atenção Psicossocial Paulo Fernando Forgiarini, marcou a aplicação das doses nos primeiros cinco gabrielenses vacinados, representando diferentes categorias de profissionais de saúde: o médico da UTI Covid Luiz Alderete; o técnico em enfermagem dos leitos clínicos Covid Conceição Favorino Rodrigues; a diretora do Abrigo Espírita Manuel Viana de Carvalho, Rosélia Almeida Strom;  a enfermeira municipal Rosângela Bohrer; e a funcionária de serviços gerais do Gripão, Graziele de Almeida Silveira. 
De lá para cá, somando com as doses aplicadas em crianças de 10 a 11 anos com comorbidades no dia de hoje, são 118.305 doses aplicadas no braço dos gabrielenses, com um total de 48.205 pessoas vacinadas com a primeira dose, 47.552 imunizados com a segunda dose e 22.493 pessoas que tomaram a dose de reforço, a chamada terceira dose, além de 55 doses infantis aplicadas. O secretário interino da Saúde, vice-prefeito Lucas Menezes, destaca o corajoso e competente trabalho da secretaria sob a liderança da titular da pasta, médica pediatra Kátia Raposo Pereira, e todos os profissionais das equipes de imunização. “Ao longo de um ano, foi um grande aprendizado coletivo, realizamos vacinação no posto da APAE, fizemos drive-thru no Parque Assis Brasil, no Colégio Tiradentes, no Salão Paroquial, no Ginásio São Gabriel, retornamos para o Salão Paroquial, e em todo esse tempo a expertise técnica dos nossos profissionais foi sendo aprimorada, erros foram sendo corrigidos, tudo isso sob a supervisão permanente do prefeito Rossano, minha como vice-prefeito e da secretária Kátia. Mesmo nesse mês de janeiro, quando um novo pico de contaminações aconteceu no Município, o baixo número de internações e a ausência de óbitos desde o ano passado demonstra que a vacina tem grande importância para evitar casos graves, e é por isso que a comunidade deve continuar buscando este serviço público, resultado da união das três esferas de governo para proteger a população”, ressaltou Lucas Menezes.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.