Design-sem-nome-1

Giovana Gonçalves assume o PDT gabrielense

Giovana Gonçalves, 1ª suplente de vereadora e atual Presidente da Ação da Mulher Trabalhista (AMT) foi designada na última quinta-feira, dia 8, para comandar o PDT gabrielense.
A professora chega à presidência, após uma longa caminhada nas fileiras o partido. Giovana é diretora de escola pública e teve a sua ficha de filiação abonada no ano de 2002 pelos líderes, o ex-governador Alceu Colares, o prefeito da época, Rossano Gonçalves e o ex-presidente do PDT, Robson Gonçalves (Binho).
Desde então, a Pedetista jamais participou de nenhum diretório municipal, no entanto, sempre participou das eleições do diretório exercendo o voto democrático.

Como profissional da educação municipal, a professora Giovana contribuiu com a implantação da Escola Ginásio São Gabriel, adquirida pelo então prefeito do PDT, Rossano Gonçalves, sendo a primeira vice-diretora da escola. 
Atualmente, como diretora de escola estadual conduz uma instituição que há 14 anos tem o melhor Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) da cidade de São Gabriel e um dos melhores da 19ª CRE.
Paralelamente, na eleição passada a então candidata a vereadora dedicou sua plataforma de propostas a causa dos jovens, das mulheres, dos professores, da educação pública de qualidade, dos idosos e da mobilidade humana, entre outros tantas pautas e bandeiras do trabalhismo.
Também faz parte da comissão provisória, o advogado Augusto Solano Lopes Costa (tesoureiro), os membros vereadores, Sildo Jocelito Machado Cabreira e Irio Trindade Rodrigues, as companheiras da AMT, Daiane da Silva Ortiz e Renara Bittencourt Viera e os suplentes a vereadores, Luciano Samaniego Arrussul, Paulo Sérgio Barros da Silva (Nenê) e Ricardo Osmar Barbosa de Oliveira Júnior.
“A Comissão foi instalada pelo motivo do decurso de prazo para a realização das convenções municipais que foram devidamente normatizadas pelas instâncias superiores do partido, levando em consideração prazos, autorizações e dificuldades impostas pela pandemia. Outro motivo primordial foi a do diretório anterior ter seu mandato findado nos últimos dias de junho. Como o PDT é um partido forte, tradicional em nossa cidade e regido fielmente pelo seu estatuto e normativas, não restou outra opção que não a formação desta provisória que é composta por mulheres e homens que honram a bandeira do trabalhismo e que colocaram os seus nomes ao sufrágio das urnas na última eleição,” destacou Solano Costa.
“O companheiro Beka que nos sucedeu e nos representou nos últimos dois anos fez um bom trabalho conduzindo o partido até o início do período eleitoral, onde se licenciou para concorrer. Agora, os novos rumos do PDT gabrielense começam a ser formatados a partir do diálogo franco com os companheiros antigos que tem história dentro do partido, com os novos que pretendem ingressar e com as lideranças partidárias nacional, estadual e municipal. Já nos próximos dias estaremos buscando o bom debate baseado nos firmes propósitos e convicções do PDT. Vamos seguir em frente lutando pelos ideais de Leonel Brizola e segurando nossa bandeira com orgulho e firmeza", salientou Giovana Gonçalves.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.